terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

COMUNICADO


Realizado hoje (26) na sede da UNIMIL uma reunião com a consultora da Faculdade ALFA, Senhora Daniele Cristina Braga da Silva e a diretoria da associação.  Na oportunidade foi tratado assunto de interesse da família miliciana, sobre convênio para todos os cursos de Graduação, Pós Graduação e Mestrado que a Faculdade Alfa dispõe. 

Referido convênio visa desconto especial para os policiais, bombeiros militares e dependentes filiados à UNIMIL, que ingressarem naquela faculdade.

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Atenção Policiais e Bombeiros.

A UNIMIL - União dos Militares de Goiás, conseguiu um ótimo acordo com a Faculadade FANAP - onde os policiais, bombeiros e seus filhos, poderão fazer Curso de Direito com desconto especial na mensalidade até o final do curso. Mensalidade atual R$ 890,00 (oitocentos e noventa reais), para os militares R$ 400,00 (quatrocentos reais), desconto superior a 50% (cinquenta por cento). Os beneficiados terão apenas a obrigação de manter a pontualidade com o pagamento da mensalidade, garantindo assim o direito do desconto especial. 

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Assembleia Geral na ASSEGO, quarta-feira 10/04/2013, 13:00 horas



Senhores associados da ASSEGO (Associação dos Subtenentes e Sargentos do Estado de Goiás), não permitam que o Subtenente Maxuêlo Braz de Paula, agora aluno CHOA, permaneça por mais quatro anos à frente da ASSEGO. Este senhor NUNCA representou os militares e agora quer fazer manobra dentro da entidade para prejudicar os Subtenentes e Sargentos.

Na próxima quarta-feira, dia 10/04/2013, as 13:00 horas, será realizada a Assembleia Geral na Associação dos Subtenentes e Sargentos do Estado de Goiás.

Assuntos a serem tratados:
  • Mudança do Estatuto, sendo um dos artigos a legalidade do oficial (CHOA) concorrer a presidência da associação, mudança esta semelhante a da Associação de Cabos e Soldados, na qual um sargento é presidente da ACS; 
  • A volta da contribuição de taxa para sócio remido;
  • Prorrogação do mandato até maio/2014 do presidente e outros assuntos que provavelmente deverá tirar atenção do principal. 

     Está na hora de mudarmos esta situação. Todos os associados devem comparecer e acabar de vez com qualquer grupo que vise somente interesse próprio, deixando de lado a luta classista para conseguir benefícios e promoções pessoais. Os companheiros que ainda não são associados, por favor, divulguem aos associados.

sábado, 2 de fevereiro de 2013

Sargento macedo diz que o objetivo do programa SOS Segurança é servir os associados e todos os militares de Goiás.

Militares do Corpo de Bombeiros entra com ação judicial por excesso de horas de trabalho.



NOTA INFORMATIVA AOS SERVIDORES PÚBLICOS DO ESTADO DE GOIÁS



Na data de 31 de janeiro deste ano, estiveram reunidos na AFFEGO (Associação dos Funcionários do Fisco do Estado de Goiás ) vários representantes das Associações de Classe dos Servidores Públicos do Estado de Goiás, para discutir sobre o aumento do índice de recolhimento previdenciário da ordem de 11% para 13,25% a partir de abril/2013.


A importância do tema  fez com que várias as Associações se reunissem para apresentar propostas e viabilizar meios de retirar o aumento implementado pelo Governo sem a ciência e anuência dos Servidores Públicos.


O aumento não se justifica, não foi antecedido pelo cálculo atuarial e encontra-se eivado de tantas outras irregularidades às quais foram todas relatadas nesta reunião. Concluíram pela impetração de medida judicial cabível para resguardar o direito dos envolvidos.


A fim de  atuar na defesa dos direitos  dos Servidores Públicos estiveram presentes UNIMIL (Associação dos Militares do Estado de Goiás), ASMEGO ( Associação dos Magistrados do Estado de Goiás ),   ASSOF ( Associação dos Oficiais Militares do Estado de Goiás), UGOPOCI (União Goiana dos Policiais Civis), SINPOL (Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Goiás), AFFEGO (Associação dos Funcionários do Fisco do Estado de Goiás) entre outras.

NOTA DE REPÚDIO

A ASSOF - Associação dos Oficiais PM/CBM-GO e a UNIMIL – União dos Militares do Estado de Goiás e todos os nossos associados por meio desta, vem demonstrar total INDIGNAÇÃO ao Programa Chumbo Grosso da TV Goiânia Band e, especialmente, ao seu apresentador Batista Pereira. Repudiamos a forma desrespeitosa, que o mesmo trata os policiais militares goianos e os entes da segurança pública. Queremos lembrar que tal programa sempre foi fomentado com matérias policiais, advindas destes valorosos profissionais da segurança pública, que estão na rua prestando seus serviços com o risco da própria vida, e não é justo que tal apresentador usando de forma rasteira, somente com a gana de aumentar audiência, tenha usado um profissional e pai de família para depreciar a nível nacional, por uma mera falha, cansaço ou nervosismo, diante de uma entrevista a respeito de uma matéria policial (episódio "Harley Davidson").

Queremos acreditar que a TV Goiânia Band não compactua com tal postura desse apresentador. Queremos lembrar que simplesmente por um sargento da atividade operacional ter se expressado de forma equivocada não é motivo para que tal apresentador o desmereça expondo ao ridículo lhe causando um grande desconforto profissional e social. 

Por não compactuarmos com essa espécie de jornalismo parasita, sem serventia alguma, e que, não fosse pela cooperação de nossos companheiros de farda estaria fadado ao fracasso, Conclamamos à todas as praças e oficiais a não fomentar informações para esse veículo de comunicação, para quem sabe assim, possa reconhecer a importância dos policiais militares para a sociedade e também para a audiência desse enfadonho programa, o qual não existiria se não nos prestássemos a gratuitamente oferecer informações.

Queremos acreditar ainda que o mínimo a ser feito nesse momento é o apresentador Batista Pereira reconhecer o seu erro ao vivo no Programa Chumbo Grosso retratando tamanho desrespeito para com tal profissional de segurança pública, que por sua vez não praticou nenhum tipo de crime.

Solicitamos a este apresentador que retire esta reportagem das redes sociais e de seu site.

ASSOF – Associação dos Oficiais PM CBM-GO

UNIMIL – União dos Militares do Estado de Goiás